Pirão blogsmodadentro

Publicado em maio 17th, 2011 | por Revista Naipe

6

PROCURA-SE O NOVO

[Por Camila Dias]
Bons tempos em que escrever era libertador e liberto.

Meninas tinham seus diários, escreviam dia após dia suas confidências e ideias. De repente passaram a brincar com html criando sites com templates cheios de frescuras, gifs e desabafos do cotidiano. O que havia de conteúdo era basicamente reprodução de informações retiradas da web. Hoje essas meninas têm vaga na primeira fila dos eventos de moda e ganham press-kits (release, bombom, papel e caneta – OI?); no mais, vivem utilizando-se de chavões e inventando palavras que a ABL dificilmente reconhecerá – e que devem fazer o bom Sr. Aurélio se revirar no caixão.

Alguns trelelês mais recentes em blogs de moda geraram confusão e movimentaram fóruns acerca do assunto, levantando tais discussões. Relevância ou não relevância, eis a questão. Me pergunto, então, o que é realmente relevante em um blog de moda. E quem é que sabe responder? Ninguém.

Não falo isso desconsiderando o que a moda significa atualmente; ela gera empregos, diferencia sociedades, comunica escolhas. Segundo pesquisa da Abravest sobre a indústria atual da moda, o mercado nacional faturou US$ 52 bilhões em 2010. Isso sim é relevante.

Essas meninas que escreviam em diários hoje ganham dinheiro com seus blogs, muitas vezes vendendo suas opiniões. Não é de menos isso virar assunto, já que o crescimento de blogs no Brasil é cada vez maior. Dados mais recentes mostram que só nesse primeiro trimestre de 2011 foram criados mais 15 mil blogs no país. Esses blogs geraram 2,7 bilhões de visitas, tendo nosso amado Sul como segunda maior audiência – perdendo apenas para o Sudeste – e os nossos tão queridos formadores de opinião (relevante ou não) sobre moda gerando 32,5 milhões de visitas. Isso aí também é relevante.

O que já passou

Esse ano o Donna Fashion sofreu algumas alterações. Ficou maior, mais bonito, mais criativo (será?), incluiu palestras… Reuniu gente interessante, trouxe blogueiras – interessantes ou não – ao contexto, apresentou gente famosa e revelou muita gente que é gente mas pensa que é mais gente do que muita gente. Enfim, o mesmo Donna, com algumas mudanças sutis.

O evento mudou de localização, ou pelo menos assim aponta o Google Maps. Infelizmente, as mudanças param por aí. E cadê informação, geração de conteúdo relevante de moda, criação de expectativas e valorização dos profissionais do ramo? O mais importante para um evento de moda deveria ser informar, discutir, absorver, movimentar, criar, ensinar, respirar – e transpirar – moda. Cadê o conceitual e o inovador, tão discutidos, desejados e propagados, no Donna Fashion? O evento continua quase só comercial? Continua. O Donna Fashion tentou incluir tudo isso. Tentou informar, tentou discutir assuntos que se tornaram redundantes, tentou criar, tentou ensinar e tentou movimentar. Repito: tentou.

É indiscutível a mudança de paradigma na sociedade atual; hoje consumimos informação de uma maneira muito diferente. Com o neojornalismo e o boom das redes sociais, as pessoas se tornaram mais conscientes do poder que têm sobre a sua opinião. Há uma constante interação e poucos se sobressaem nesse meio tão vasto; quem sabe pra quem está comunicando, que conhece os desejos e necessidades de seu público; esses sim se tornam relevantes.

O que virá

2011 será um ano de grande representatividade para nós, do Sul, no setor da moda. Nos dias 9, 10 e 11 de junho, Floripa será palco do Sul Fashion Week e do Denim Prêt-à-Porter. A intenção é incluir a região no calendário nacional de eventos de moda, preenchendo um vazio que ainda é realidade por aqui. Não quero ser repetitiva, mas esse buzz certamente deixará os amantes de moda menos carentes.

O Sul Fashion Week contará com desfiles em diferentes pontos da cidade de Florianópolis, sendo o Denim Prêt-à-Porter destinado ao mercado de jeanswear. As marcas terão seus próprios espaços, onde apresentarão suas coleções em estandes e desfiles individuais. Os eventos acontecerão simultaneamente, em pisos diferentes do Hotel Majestic. Fóruns, palestras, workshops, mesas redondas, pocket shows e uma mostra de filmes de moda integram a programação do combo.

A programação difere muito das propostas atuais da Ilha. Unindo tendências, idealizadores, revelações, profissionais do ramo e o consumidor final, promete levar novidades para as vitrines, fazendo um trabalho inverso ao de eventos como o Donna.

Nós nessa história toda

A tal da relevância – e sua inseparável relatividade – se aplica a todos e com os agentes envolvidos na moda não haveria de ser diferente, ainda mais quando se fala em gestores de conteúdo. Mas digo: basta fazer as escolhas certas. Escolher quem atingir e para isso escolher a quem ler, quem estudar, quem ver, quem ouvir, quem consumir e quem referenciar.

Pra mim é indispensável o novo, o autoral e o inesperado. E pra você?

  • Nota da autora: Esse texto foi escrito a partir de um papinho mega divertido com as super fashionistas: a linda da Mirian Koerich (personal style), a ultra diva Julie (do lindésimo blog Donde Estás Corazon?) e a fofíssima da Yasmine (do lindolindo blogdayasmine.com)
  • Mais uma nota da autora: pois então, Sr. Aurélio, é fácil arrasar nos chavões. Mas nem por isso as características são falsas. Obrigada, meninas!

Tags: , , , ,


Sobre o Autor



6 Responses to PROCURA-SE O NOVO

  1. Camila Dias says:

    Roberta, quem organiza o Sul Fashion Week e o Denim Prêt-à-Porter é o Catarina Coletivo Criativo, esse link traz mais informações: http://www.catarinacoletivocriativo.com.br/home/?p=118

    :)

  2. Roberta says:

    interessante. onde tem mais info sobre isso? queria saber quando acontece e tals =D

  3. Bia Carminati says:

    \o/

  4. Juliana Paiva says:

    Rumo aos blogs de moda inteligentes!

  5. Yasmine says:

    Confesso que estou ansiosa pelo Sul Fashion Week e Denim Prêt-à-Porter. E também curiosa para saber se a organização do evento vai, como a do Donna Fashion, aceitar os milhares de credenciamentos de blogs.

  6. José Antônio says:

    O que é relevante num blog de comportamento?

Subir ↑